"Qualquer homem que se zangue com o seu irmão deve ser julgado".

Naquela época,
Jesus disse aos seus discípulos:
    "Eu digo-vos:
Se a vossa justiça não excede a dos escribas e fariseus,
não entrareis no reino dos céus.

    Ouvistes que foi dito aos anciãos:
Não cometereis assassínio,
e se alguém comete um assassínio,
ele terá de ser julgado.
    Bem, posso dizer-vos isto:
Qualquer homem que se zangue com o seu irmão
terá de ir a julgamento.
Se alguém insulta o seu irmão,
ele terá de ir a tribunal.
Se alguém lhe chamar louco,
ele estará sujeito à Geena de fogo.
    Por isso, quando fores apresentar a tua oferta no altar,
se te lembrares que o teu irmão tem algo contra ti,
    deixem a vossa oferta ali, em frente ao altar,
primeiro vai e faz as pazes com o teu irmão,
e depois vem apresentar a tua oferta.
    Chegar rapidamente a acordo com o seu adversário
enquanto estiveres na estrada com ele,
para evitar que o teu adversário te entregue ao juiz,
o juiz para o guarda,
e não o metem na cadeia.
    Amém, digo-vos: não vos livrareis dela
antes de ter pago cada cêntimo.

           Mt 5, 20-26